Animais

Lance Notícias | 09/11/2021 10:13

09/11/2021 10:13

10526 visualizações

Presente inesperado: mulher encontra cadela abandonada e adota como gesto de amor

Presente inesperado: mulher encontra cadela abandonada e adota como gesto de amor

Camila Gianello, de 28 anos, é natural de Dourados (MS), a jovem costumava viajar à trabalho com seu esposo que é motorista de caminhão. Em uma das viagens, ela encontrou uma filhote de vira-lata, abandonada em um posto de gasolina que costumavam passar, em Montes Claros (MG).

A jovem, na época já era protetora de animais, comovida com a situação da filhote, decidiu adotá-la e dar o nome de Lola. Fizeram uma viagem de 1.500 Km de volta até Dourados (MS). Residiram no local por três anos.

Seu esposo, que é natural de Seara, decidiu vir morar no município há cinco meses, e claro, trouxeram a Lola junto. Logo, Camila começou a resolver a questão burocrática para trazê-la junto, pois para viajar de um estado para outro transportando um animal, é necessário um guia de transporte animal.

— Para conseguir a guia, você precisa pagar o veterinário para avaliar o animal, para verificar se o animal está saudável, com as vacinas em dia, principalmente a antirrábica. O transporte também precisa ser realizado de forma correta, com uma caixa de transporte ou com peitoral e guia de engate no cinto. Só assim o veterinário libera a autorização pra viagem — comenta.

De Dourados (MG), para Seara (SC), são aproximadamente 800km, Camila comenta que Lola veio acordada toda a viagem observando a paisagem. Foram feitas algumas paradas, nas quais as pessoas comentavam sobre uma cadela do porte da Lola estar viajando.

Chegando em Seara, a Lola ainda foi castrada pela ONG Auquemia, e se adaptou bem ao município, pelo fato de ter muitas paisagens.

— A Lola é igual uma criança sempre foi brincalhona, arteira, ela já chegou a comer as torneiras da casa, roupas do varal, inclusive o tronco de um pé de limão em casa, e a árvore morreu, completamente sapeca — finaliza.

Deixe seu comentário