Xanxerê

Lance Notícias | 09/08/2021 07:32

09/08/2021 07:32

5104 visualizações

Justiça condena homem a 26 anos e oito meses de prisão pelo crime de feminicídio, em Seara

Justiça condena homem a 26 anos e oito meses de prisão pelo crime de feminicídio, em Seara

Silvério José Ghelen foi condenado a 26 anos e oito meses de prisão, em regime fechado, pelo crime de feminicídio cometido contra sua ex-companheira, Carla Demarco, em novembro de 2020. O júri popular foi realizado no Fórum da Comarca de Seara, na sexta-feira, 6 de agosto.

Atuou na acusação, a promotora Marta Fernanda Tumelero, o advogado de defesa é Bruno Pandolfi e o julgamento foi presidido pelo juiz Douglas Cristian Fontana. O júri não teve a presença de público pelas restrições nesse período de pandemia.

O caso:
A vítima, Carla Demarco, 32 anos, foi assassinada a facadas pelo ex-companheiro, Silvério José Ghelen. O fato foi em um frigorífico, localizado na saída para linha Água Bonita. Ghelen estava preso desde o dia seguinte ao crime.

Deixe seu comentário