Esporte

Lance Notícias | 23/11/2021 09:45

23/11/2021 09:45

13443 visualizações

Fla-Seara: 22 anos de histórias da primeira torcida organizada

Desde a época de 90 até os dias de hoje, um grupo de amigos movidos pela paixão por um time se encontra para assistir os jogos do Flamengo pela televisão, em Seara. Foram vários anos realizando esses encontros, a partir disto e da paixão pelo esporte e time, o grupo de amigos resolveram fundar uma […]

Fla-Seara: 22 anos de histórias da primeira torcida organizada

Desde a época de 90 até os dias de hoje, um grupo de amigos movidos pela paixão por um time se encontra para assistir os jogos do Flamengo pela televisão, em Seara.

Foram vários anos realizando esses encontros, a partir disto e da paixão pelo esporte e time, o grupo de amigos resolveram fundar uma torcida organizada, surgindo o Fla-Seara.

A equipe do Lance Seara conversou com o atual presidente da torcida, Claudir Balbinot, mais conhecido como Kadi. A frente do Fla-Seara há dois anos, Kadi comenta sobre o orgulho em ser torcida organizada.

– Temos orgulho em ser a primeira torcida organizada de Seara, fundada em 20 de julho de 1999. No mesmo ano o grupo viajou ao Rio de Janeiro para assistir pela primeira vez o famoso clássico FLA-FLU, no maior estádio do mundo, o Maracanã – fala.

Segundo o presidente, o Fla-Seara sempre se fez presente em eventos esportivos no município como, campeonatos, olimpíadas e amistosos com clubes na região, destacando-se com grandes apresentações e conquistando amizades.


Foto: Arquivo pessoal. De pé: Adilvo Gheno (massagista) Cassiano, Nei Gangolfi, Edio, Marcelo, Giaretta, Boca (treinador), Luciano, Antonio, Kadi. – Agachados: Odair, Joso, Seco, Pepe, Lucimar.

 

Ainda, participou em todas as edições do torneio das torcidas organizadas de Seara. Por muitos anos organizou o Fla-Fest, evento com várias bandas realizado na última rodada do campeonato brasileiro. Além disso, o clube promove durante o ano vários eventos para os sócios, familiares e convidados, com destaque para o Arraia do Fla no mês de julho.

A diretoria atual, que encerra seu mandato neste fim de ano, é composta pelo presidente, Claudir Balbinot (Kadi), vice-presidente, Alvair Dedonatti (Trena), Tesoureiro, Antônio de Carvalho e Secretário, Mateus Nardi.


Em pé Hassan, técnico Antonio,Juli, kikico em memória, Neguinho, Emir em memória, Paludo, Kadi e Edio. Nego, Seco. Pepe, Joso, Trena e massagista Boca.

A diretoria eleita permanece por dois anos, tendo sua nova escolha em janeiro de 2022.

Kadi explica sobre as reuniões, antes da Pandemia, realizadas mensalmente no primeiro sábado do mês.

– Nos últimos meses estamos nos adaptando à nova realidade diante da pandemia da Covid-19, respeitando às normas e na expectativa de que logo tudo passe para que possamos retornar às atividades mais fortes. Agora com a liberação do acesso em locais fechados, voltamos gradativamente a assistir os jogos do Flamengo em nossa Sede – explica.

Há cada dois anos, o Fla-Seara presenteia seus sócios com uma viagem ao Rio de Janeiro para assistir o Flamengo. Para que isso seja possível, cada sócio contribui com mensalidade.
– O sócio paga uma mensalidade que serve para manutenção do clube e para custear algumas despesas destas viagens – ressalta.

Para participar do grupo de torcida organizada, é preciso passar por aprovação dos membros.

– Um dos sócios indica o nome da pessoa interessada, este nome é levado para aprovação, caso a maioria aprove o nome indicado, ele deverá pagar uma taxa de adesão e a partir daí suas mensalidades para integrar o grupo – conclui.


Foto/Divulgação: Fla-Seara

Deixe seu comentário